você está em

Artigos

Publicado em 8 setembro, 2011 08:25hComentar

Ganhando Stacks – Algumas técnicas e estratégias

Por

Originalmente publicado em 27/05/2010

Ganhar as fichas de seu oponente é o maior prazer do no-limit hold’em. Não há nada mais gratificante do que ganhar um pote enorme. Mas, além disso, ganhar o estoque dos adversários é uma habilidade fundamental em no-limit. Eu percebi que os melhores jogadores tendem a ser mais abertos do que os medianos a encorajar seus oponentes a se despedir de todas as suas fichas.

Qualquer um pode ganhar um estoque com um cooler — digamos, um full house contra o nut flush. O problema é conseguir ganhar fichas de seus oponentes em situações menos extremas. Você deve buscar ganhar estoques em situações nas quais jogadores menores ganhariam bem menos. Eis algumas técnicas que podem ser tentadas para ajudar a ganhar os stacks dos adversários:

Dimensionamento de Apostas

Decisões de dimensionamento de apostas têm papel fundamental para se ganhar um estoque inteiro ou apenas parte dele. Em termos simples, a maioria dos jogadores live de $1-$2 e $2-$5 não faz apostas grandes o suficiente. Eu já perdi as contas de quantas vezes vi a seguinte mão acontecer:

A mesa é de $1-$2 com estoques de $200.

Alguém dá raise para $10. Dois jogadores dão call.

O flop vem K? 10? 6?. O raiser pré-flop aposta $20 e um jogador dá call.

O turn é o J?. O raiser pré-flop dá check, o que tinha dado call aposta $20 e o raiser paga.

O river é o 7?. O raiser pré-flop dá check, o que tinha dado call aposta $30 e o raiser paga.

O raiser mostra K? Q?, e o que tinha dado call mostra uma trinca de seis flopada (6? 6?).

Essas apostas são muito pequenas! Quando você flopa uma trinca, está diante de uma oportunidade de levar um stack inteiro. Se você fizer apostas minúsculas, jamais vai ganhar o estoque de alguém. Dê a si mesmo a chance de ganhar fichas fazendo apostas grandes o suficiente para tanto. Nessa mão, se eu tivesse flopado uma trinca, provavelmente teria dado raise no flop para cerca de $50. Depois, caso tivesse recebido um call, teria dividido o dinheiro restante, mais ou menos $140, em dois montantes de cerca de $60 e $80, planejando apostar $60 no turn e $80 no river.

Apostar mais não vai lhe garantir um stack todas as vezes. Obviamente, seu oponente com frequência não vai ter uma mão que suporte a pressão. Mas quando você flopar uma trinca, deve se dar a chance de faturar alto.

Apostar Pelo Valor

Outra situação em que os jogadores perdem a chance de ganhar o stack de seus oponentes é no river. Regularmente, eu vejo jogadores fazendo apostas fracas ou indo para o showdown de graça no river quando deveriam empurrar e torcer por um call. Tipicamente, o bordo parece meio perigoso, e eles resolvem jogar de maneira ultrassegura. Infelizmente, em no-limit hold’em, reter seus golpes não significa jogar de forma segura. Você está apenas se preparando para ser golpeado quando a mesa virar. Se você quiser ser um vencedor, precisa apostar inescrupulosamente quando tiver a melhor mão. Você não deve permitir que medos irracionais lhe impeçam de dar seu melhor.

A mesa é de $2-$5 com estoques de $600. Você está no button com 6? 6?. Um jogador abre raise de $20 e você dá call. Ambos os blinds dão call. O flop vem K? J? 6?.

Todo mundo dá check até você, que aposta $70. O big blind dá call. O turn é o A?. Seu oponente dá check, você aposta $180 e ele dá call. O river é o 9?. Seu oponente dá check.

Empurre all-in. Não dê check nem faça uma aposta fraca. Diante da ação, não há razão para acreditar que seu oponente tenha uma das poucas mãos que derrotam a sua, e sua mão supera muitas mãos com as quais ele pode pagar. Às vezes você vai descobrir que seu oponente estava fazendo slowplay com Q-10, mas, com mais frequência, você vai vê-lo com A-K, A-J, K-J ou alguma outra mão que ele não consegue largar. Ao longo do tempo, ter a coragem de fazer apostas como essa vai melhorar drasticamente seus resultados.

Reraise Pré-Flop

Quando utilizado de maneira inteligente, o reraise pré-flop pode ser uma ferramenta bastante poderosa para ganhar as fichas de seus oponentes. Ele tem dois efeitos importantes em uma mão:

1. Aumentar os potes depressa, adiantando os all-ins finais do river para o flop e o turn.

2. Tirar muitos oponentes de suas zonas de conforto, podendo fazer com que você pareça um canhão loose.

Recentemente, vi um amigo meu jogar a seguinte mão:

Era uma mesa de $2-$5 nine-handed. Meu amigo tinha $2.000 na mesa, e sua principal oponente nessa mão tinha cerca de $1.600. Dois jogadores entraram de limp, e a principal oponente aumentou para $40. Essa jogadora vinha fazendo aumentos desse tipo com bastante frequência. Meu amigo reaumentou para $100. Ele tinha começado a fazer isso com muita frequência, em resposta aos aumentos frequentes dela. Todos os outros na mesa deram fold, resmungando sobre os dois loucos da mesa, e ela, que tinha dado o primeiro raise, deu call.

O flop veio Q? 9? 2?.

Ela deu check e meu amigo apostou $200. Sua oponente então deu check-raise para $500. Meu amigo foi all-in e recebeu call.

Meu amigo mostrou K? K? e sua oponente tinha Q? 10?.

Vários observadores na mesa ficaram chocados porque os jogadores tinham colocado mais de 300 big blinds no pote no flop, sem que nenhum deles tivesse mais que um par. Mas eles não deviam ter ficado chocados. Reraises estratégicos pré-flop geralmente prepararam mãos como essa. Como isso funciona?

Meu amigo percebeu que a jogadora a sua direita estava aumentando pré-flop muitas vezes. Ela tinha que estar fazendo tais aumentos frequentes com mãos muito fracas. Meu amigo então resolveu voltar reraise sempre que tivesse algo decente (por exemplo, algo como K? 9?). Na maioria das vezes, todos os outros desistiriam e ele ficaria heads-up contra ela. Ele teria posição, bem como uma mão, em média, mais forte, e provavelmente, a vantagem de ter mais experiência jogando depois do flop em potes com reraise.

Ele podia basicamente prever o resultado. Ele perderia alguns potes de $200 no flop, e também ganharia alguns — talvez mais do que perderia. Mas o mais importante era que ele sabia que seus reraises iriam frustrar e confundir sua oponente. Eventualmente, ela cometeria um erro que lhe custaria o estoque. E quando isso aconteceu, ele teve a sorte de ter o par de rei necessário para tirar pleno proveito da situação.

Embora ele tenha tido a sorte de estar com o overpair, essa não foi a razão por que ele ganhou um pote enorme. Sua estratégia de reaumentar pré-flop com frequência construiu a fundação para a grande vitória.

Muitos jogadores poderiam ganhar mais fichas mediante algumas mudanças sutis em suas estratégias. Tente implementar essas jogadas e veja se começa a ganhar mais.

Este artigo é patrocinado pela revista CardPlayer Brasil e foi publicado na edição 29.